BOA POSTURA E POSICIONAMENTO ADEQUADO DA COLUNA VERTEBRAL NA PRÁTICA DA MUSCULAÇÃO

Victor de Assis, Wagner Zeferino de Freitas, Willian Davi Silva, Neiriane Camilo Scalco, Elisângela Cristiane da Silva, Vera Aline Borges, Wesley da Silva Dias, Adrieli da Silva Martins, Rebeca Baptista Fonseca Viana

Resumo


 

Introdução: A cinemática adequada exige que a coluna vertebral atue com retificação de suas curvaturas ou seja em isometria (GUSMÃO, ET. AL. 2015), porém em diversos momentos, a prática da musculação desencadeia sobrecarga na coluna pelo aumento da pressão ocasionando um maior momento de força (NACHEMSON, 1982). Existem diversas práticas capazes de auxiliar na melhora da postura corporal, contudo é incomum a aplicação de exercícios pedagógicos no que diz respeito à aprendizagem e prevenção de possíveis danos à coluna vertebral durante a musculação. Objetivo: Verificar as impressões de uma intervenção sobre postura corporal em praticantes da musculação. Metodologia: Participaram da intervenção 9 indivíduos (3 mulheres e 6 homens) com peso entre 51,0 kg e 95,6 kg (72,8±15,6), idade entre 18 e 65 anos (41,7±15,3) e estatura entre 152 cm e 183 cm (168±10,9) iniciados na musculação a pelo menos 3 meses. A intervenção foi dividida em 5 etapas: Avaliação Postural; Introdução a Postura Corporal; Exercícios proprioceptivos do CORE; Exercícios da Musculação; Alongamento e reflexões finais. Ao final da intervenção foi aplicado um questionário contendo 3 perguntas objetivas a respeito das impressões dos participantes e da importância que dariam a este tipo de intervenção para o início da prática da musculação. Todas perguntas objetivas continham uma alternativa para descreverem (outro) caso quisessem, e a última questão era aberta exclusivamente para que ressaltassem pontos positivos e negativos, sugestões e/ou críticas para aprimoramento da intervenção. Os dados foram analisados através da média e desvio padrão utilizando o programa Planilhas Google, extraindo-se a porcentagem dos dados obtidos. Resultados: Na 1ª questão observou-se que 100% dos participantes avaliaram a intervenção como positiva, porém, na 2ª questão, 4 dos participantes (44,4%) alegaram que ainda precisará de ajuda profissional em alguns exercícios. Na 3ª questão todos participantes (n=9) julgaram a intervenção como importante para o início da prática da musculação, inferindo ao final do questionário na questão aberta 4 sugestões, 1 comentário, 1 agradecimento, 2 elogios e uma abstenção. Conclusão: Os participantes tiveram uma impressão positiva da intervenção e acentuaram a necessidade de auxílio do educador físico mesmo após aproximadamente uma hora de prática voltada exclusivamente a postura corporal. Aplicabilidade Prática: Principalmente no ramo da musculação e do Treinamento Resistido com Pesos (TRP), onde na maioria dos casos inexiste prática voltada exclusivamente a aprendizagem e adoção de boa postura que anteceda o início da prática da musculação, acarretando em grandes sobrecargas a coluna vertebral.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS)
Pró-Reitoria de Extensão (PROEX)
Avenida Vicente Simões, nº 1111 - Nova Pouso Alegre
Pouso Alegre-MG
CEP: 37550-000